Seguidores

domingo, 3 de maio de 2015

Metamorfoses...




Já não estou nem na chuva nem nas tardes de sol.
Sou um tesouro de lacunas e ausências…

E, posso tranquilo, viver o que me falta
em minha solitária espera…
sem a impotência da carne, querendo ser sonho…

(Adilson Shiva)


Metamorfosis…

Ya no estoy ni en la lluvia ni en las tardes de sol.
Soy un tesoro de lagunas y ausencias…

Y, puedo tranquilo, vivir lo que me falta
en mi solitaria espera…
sin la impotencia de la carne, queriendo ser sueño…

(Adilson Shiva)

10 comentários:

  1. Mais uma vez, encantada em te ler! abraço, ania..

    ResponderExcluir
  2. Curti!
    Parabéns pelas poucas palavras que dizem tanto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amigo pela visita , logo retribuirei...abraços

      Excluir
  3. Amigo(a)estou passando no teu Blog com muito carinho e amor. Um abraço: Manoel Limoeiro Recife - PE. http://grupounidoderodafogo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Visitando você, adorei o seu BLOG. Adoro ler um bom livro e o conteúdo do seu blog me agradou tanto que estarei , de agora em diante, aqui por perto só para ver as suas novidades.Tenho um BLOG novo e gostaria que você fizesse uma visitinha por lá. Abraços . NILDA http://oslivrosdaminhabiblioteca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Nilda pela visita , estarei visitando você ...prontamente!

      Excluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Nilda pela visita , estarei visitando você ...prontamente!

      Excluir