Seguidores

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Meio dito...


 
Conheço a cor de teus lábios molhados,
tua carne, tua ausência e tua lembrança,
desde quando morríamos juntos
e ressuscitávamos depois.

O poeta escreve entre silêncios...

(Adilson Shiva)

Medio dicho…

Conozco el color de tus labios mojados,
tu carne, tu ausencia y tu recuerdo,
desde cuando moríamos juntos
y resucitábamos luego...

El poeta escribe entre silencios...

(Adilson Shiva)

2 comentários:

  1. Hola amigo te recuerdo mi blog de poesias si deseas volver a visitarlo
    Gracias

    http://anna-historias.blogspot.com.tr/

    sera un placer volver a tener tus comentarios

    Besos

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pelas palavras deixadas no meu "Ortografia". Passarei aqui outras vezes.
    Abraço.

    ResponderExcluir