Seguidores

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Caminhos III

Era um apito...
Era o trem ...
Como se fora um grito,
Anunciando que já vem ...

Eu esperava o trem
Para ver passar gente
De acolá ou mais além
Lembranças ...
Meu coração adolescente.

Lenços acenavam,
Olhos embotados de saudades,
Minha mão estendida parou no tempo,
Nos caminhos de Soledade...

(©by Adilson S. Silva)

4 comentários:

  1. Quanta emoção, sentimento, saudade... Abraços com muito carinho!
    Maria lurdete

    ResponderExcluir
  2. obrigado amiga ... abçs

    ResponderExcluir
  3. ADISON, SEMPRE COM DANDO VOZ A VIDA, VIDA DE ENCONTROS, CHEGADAS E PARTIDAS... VIDAS DE AMOR E SOLIDÃO... ALI, SUA POESIA QUE BRILHA E SOM DO MAR, QUE SUSSURA SUAVEMENTE COMO SE LHE ORQUESTRASSE O CORAÇÃO.
    ABRAÇOS JORGE

    ResponderExcluir
  4. obrigado meu amigo ... por essas incentivadoras palavras ... um forte abraço

    ResponderExcluir